Destaques

Se lhe venderem energia em nome da ERSE não acredite. É fraude

Tenha cuidado se baterem à porta e pedirem faturas de energia e dados bancários em nome da reguladora. ”A ERSE não vende energia, nem procura os consumidores em suas casas para ver os contadores ou as faturas recebidas”, alerta a entidade.

Se um colaborador da ERSE bater à porta e pedir para mostrar fatura de eletricidade ou de gás natural ou outros elementos de identificação pessoal, não o faça. É fraude.

A ERSE – Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos, emitiu esta sexta-feira um alerta para os consumidores sobre más práticas de comercializadores de energia, desta vez “relacionadas com angariação de clientes, com recurso à utilização abusiva do nome da ERSE como argumento de venda”.

No documento, pode ler-se que a ERSE “não vende energia, nem procura os consumidores em suas casas para ver os contadores ou as faturas recebidas”.

O regulador, pede por isso a todos os consumidores que exijam sempre a identificação de quem pedir este tipo de dados e alerta para que nunca mostrem ou disponibilizem informação pessoal, incluindo dados bancários.

As vendas agressivas de energia deram origem a 523 reclamações na Deco ao longo de 2018, segundo o ”Dinheiro Vivo”. Também a ERSE tem em curso nove processos de contraordenação, dos quais quatro por mudança de comerciante sem autorização expressa do cliente e os restantes por práticas comerciais desleais praticadas na angariação de clientes.

IN: Jornal Económico (1 Fevereiro 2019)

FreshJoomlaTemplates.com
Sunday the 21st. TESTE