Destaques

Poluição do diesel nas cidades portuguesas está oito vezes acima do limite

Dados da Agência Portuguesa do Ambiente mostram uma realidade pior do que a das cidades alemãs.

A poluição provocada pelos carros a diesel nas cidades portuguesas está oito vezes acima do limite imposto pela Comissão Europeia. Segundo a última norma, a Euro 6, que entrou em vigor em 2015, as emissões de óxido de azoto não poderiam ultrapassar os 80 miligramas por quilómetro, mas nos meios urbanos portugueses regista-se um valor de 641 mg/km.

Portugal não é caso único, segue a tendência europeia de ultrapassagem dos limites legais, e até registou uma melhoria entre 2011 e 2015, mas o valor de poluição registado nas cidades portuguesas é superior até ao das cidades alemãs, onde o volume de óxido de azoto é de 507 mg/km. Foi precisamente na Alemanha que, em Fevereiro, um tribunal superior decidiu que cidades, comunidades e estados podem, a partir de agora, proibir a entrada de carros a diesel em certos locais. Estes veículos não só libertam uma grande quantidade de dióxido de carbono, prejudicial ao ambiente, como de óxido de azoto, que está na origem da morte prematura de milhares de pessoas por ano.

Em Portugal, também à semelhança do que acontece por toda a União Europeia, os carros a diesel continuam a ser os mais vendidos do mercado. Em 2017, estes automóveis representaram 60,9% do total das vendas de veículos ligeiros de passageiros – um valor elevado, mas longe do registado em 2013, quando representavam 72,3% das vendas. Em sentido contrário, nos últimos anos os carros híbridos ou eléctricos têm ganho quota de mercado e representaram 4,7% das vendas em 2017.

IN: Público (26 abril 2018)

FreshJoomlaTemplates.com
Friday the 25th. TESTE