Destaques

Regulador vai inspeccionar contadores da luz

Da última vez que a Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos auditou os contadores, a EDP Distribuição foi obrigada a devolver 11 milhões de euros aos consumidores.

 

A Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) começará em "breve" a auditar os contadores da luz a cargo das três principais empresas que detêm estes equipamentos: a EDP Distribuição em Portugal continental, a Empresa de Electricidade da Madeira e a Electricidade dos Açores, avança o Jornal de Negócios.

Segundo a mesma fonte, o objectivo da inspecção é "garantir a supervisão adequada ao bom funcionamento dos contadores, das leituras efectuadas, da correcção de anomalias, do cumprimento dos procedimentos de reporte e registo interno de todas as situações relacionadas com anomalias de contagem e de medição e sua correcção".

Da última vez que a ERSE verificou se os equipamentos estavam em conformidade, a EDP Distribuição foi obrigada a devolver 11 milhões de euros. Mas até à data, ainda só devolveu quatro milhões. Os outros sete ainda estão a ser contestados em tribunal.

No que diz respeito às queixas de consumidores sobre erros de leitura dos contadores, a ERSE avança que, em 2017, foram registadas 1600 reclamações. Um número inferior às duas mil recebidas em 2016.

As queixas são apresentadas por diferentes razões, nomeadamente, a "ausência de leituras, a substituição de contadores por avaria ou funcionamento irregular, leituras extraordinárias, ou erros de leituras".

IN: Público (7 janeiro 2018)

FreshJoomlaTemplates.com
Sunday the 21st. TESTE